2018-03-31

O Mundo continua a arder


O mundo continua a arder, de variadas maneiras, por variadas razões, mas quase sempre com o mesmo protagonista, o ser-humano.

O mesmo ser-humano que literalmente queima, seca, inunda, afoga, asfixia e assassina a Vida à face do planeta, enquanto se vai divertindo ao matar e destruir vidas dos inocentes da mesma espécie que não conseguem fazer frente à besta que desponta em cada vez mais sítios por essa terra fora.

Faz-me lembrar o episódio de Tyke (elephant), que foi morto duma forma verdadeiramente selvagem em 20 de Agosto de 1994, e que é apenas mais uma demonstração do pior que a humanidade é capaz, quando tem medo...



Labels: , ,

2018-02-28

A resposta ao martírio das crianças por parte das nações "civilizadas", cristãs e islâmicas:__________________________









 
___________________________________________________lágrimas fáceis, de crocodilo...
 
 
A MATANÇA CONTINUA. Ámen, In šāʾ Allāh



Labels: , , , , , , ,

2018-01-31

QUANTO TEMPO MAIS ATÉ QUE ESTE POVO SE LEVANTE E MATE OS SEUS MATADORES?

Não podia terminar melhor (pior?) o mês de Janeiro, com todas estas notícias que afligem alguns dos poderosos deste país.
No centro das questões que se levantam com o âmbito das prisões e constituições de arguidos, da posição que ocupam muitos dos envolvidos (juízes, procuradores, advogados, solicitadores e personagens sinistras como o presidente da "instituição" Luis Filipe Vieira e seu filho, com ligações continuadas aos escândalos DE DÍVIDAS DE CENTENAS DE MILHÕES DE EUROS ao BPN e ao BES), o vento e a tempestade que se adivinhava há muito traz-nos cada vez maiores certezas sobre o estado da Justiça em Portugal: está cancerada, podre, infiltrada até ao âmago por aqueles a quem o Estado entrega a incumbência de proteger a nação e os nacionais.
Escândalos sucedem-se em cadência semanal, numa velocidade a que não se estava habituado e que parece afirmar que alguém na investigação criminal não dorme, que tenta punir aqueles que têm desprezado o bem-comum, o cidadão normal, as pessoas...de bem.

Como sempre, as más línguas avisam que é preciso esperar para ver. É preciso?

Na Saúde, cadência quase diária nas notícias, nos factos indesmentíveis de que, se o SNS não ruiu, o SNS parece desfazer-se em pó a cada dia que passa; as urgências dos hospitais, as simples consultas, os internamentos, as cirurgias programadas e não efetuadas, as efetuadas que provocam mortos e vidas desfeitas para sempre a cada passo, os roubos de centenas de milhões protagonizados por seguradoras, hospitais privados, administrações públicas, laboratórios e grandes empresas farmacêuticas, médicos, delegados de propaganda médica, enfermeiros, farmácias, lares de idosos públicos e privados, "misericórdias" de tantos concelhos deste país, cantinas escolares que derrubam alunos a cada passo, sítios públicos onde se adoece e morre com doenças do foro sanitário...é quase incontável, de tal forma se generalizou o roubo e a sensação de campear a impunidade para a maioria dos bandidos que são apanhados, das personagens aliadas a poderes obscuros como a Opus Dei e a maçonaria, e das multinacionais envolvidas.

Também é preciso esperar mais (mortos)para ver esta evidência?

Até quando se terá que esperar para, mais do que se exigir o cumprimento da Lei, se faça Justiça, real justiça? Até quando irão criminosos, bandidos sinistros, bestas arrogantes que vivem entre nós, continuar a viver com o pecúlio roubado ao bem-comum, a beneficiar de estatuto de liberdades a que não têm direito, a consumir-nos o oxigénio que tiraram e continuam a tirar a tantos dentre nós?
Até quando vamos permitir que vivam e se reproduzam? Até quando? 



Um dia todos prestarão contas. Quanto mais não seja, uma geração se aproxima que no-las pedirá!

QUANTO TEMPO MAIS ATÉ QUE ESTE POVO SE LEVANTE E MATE OS SEUS MATADORES?

Labels: , , , , , ,

2017-12-31

Um ponto no calendário humano. Que esperar?...


Os mesmos protagonistas, os mesmos medos, ambições, desesperos, tragédias, conquistas e esperanças, luz e escuridão, ódio e amor, perdição e redenção. A Luta__constante, interminável, definidora__que redefine todos os dias o vector onde se vive. Vida e morte, contrução destruidora, e destruição a construir novas realidades. Perde-se algo?...

O Filósofo dizia que, na natureza, nada se perde, tudo se transforma: quem quer ser transformado sem ter uma palavra a dizer, sem nada fazer por si mesmo, sem contar para nada? Teremos respostas diferentes todos os dias da nossa vida.

2018 é só um ponto no calendário humano do Mundo, intemporal, ilimitado, magnífico!


Labels: , ,

2017-11-30

Novembro 2017

O estado do Mundo dos "comuns"
 
 


 
 
 
 

Labels: ,

2017-10-31

ELES SÃO TODOS IGUAIS


Após a reportagem da jornalista da TVI Ana Leal ontem, “O cartel do fogo”, do "achamento" das armas roubadas de Tancos, da ausência de descoberta pela PJ e pelo Ministério Público de conspirações para queimar o que se pode, alienar terras antes protegidas, de venda e aluguer de equipamentos ao Estado com contractos criminosos e de lesa-pátria, de absoluto silêncio sobre a substância das coisas que todos nós temos, ainda há quem se escandalize com a frase "...eles são todos iguais..."?

De facto, são incontáveis os casos em que os culpados, ou são apontados a dedo e à mão-cheia, conhecidos de toda a gente ou manobrando na sombra por interpostos governantes e/ou deputados, se mantém em liberdade, de bolsos cheios, inatacáveis, intocáveis, insubmissos às necessidades nacionais e, lamentavelmente, ainda vivos e em liberdade.



Compreende-se hoje, ainda mais hoje, porque é que a élite do país, TODA A ÉLITE DO PAÍS, hipocritamente se coloca ao lado da proibição de penas de prisão verdadeiramente justificáveis para actos que destroem as vidas de pessoas, as matam, e as levam ao suicídio em indizíveis números; que dizer, então, da indignação dessa mesma élite quando se fala em PENA DE MORTE!

Se é verdade para mim que o povo é fraco, muito fraco, quando se tenta reflectir, construir e agir no sentido de soluções que travem a voragem da destruição das terras e das almas, do presente e do futuro dos que estão e hão-de vir, maior verdade é esta: A NOSSA ELITE, PORQUE O É POR FORMAÇÃO E/OU POSSESSÃO É MISERÁVEL porque dentre ela não se eleva ninguém que rompa o sujo entendimento, o porco compromisso, o mafiosos desígnio das famílias e dos grupos que mandam.



Novamente; quando a tempestade chegar, e ela chegará, não pode haver misericórdia: quem tem contas a pagar tem que as pagar com sangue!



A Esquerda e a falsa esquerda não ficarão de fora: como em todas as verdadeiras revoluções, a Verdade virá ao de cima, bem como a merda que tudo infecta, e o lodo voltará ao seu lugar natural.

Labels: , , , , , , , , , , ,

2017-09-30

ESTE TIPO É UM FILHO-DA-PUTA !


Diz-nos a sabedoria que, se um tipo pensa como um filho-da-puta, mente como um filho-da-puta, age como um filho-da-puta, ganha a vida a defender e a fazer fretes aos maiores filhos da puta que o nosso tempo nos destinou, como quando defendia a todo o custo o José no aborto que se chama "alta autoridade para a comunicação social", goza com os concidadãos que é suposto defender enquanto ministro da defesa como um verdadeiro filho-da-puta para quem a vergonha não existe, não se demite nem é demitido após os continuados escarros que lança à verdade, à competência e à honestidade de processos que é exigível a um detentor de poder público, então é porque ESTE TIPO É UM FILHO-DA-PUTA !

Labels: , , , , , , ,